Como organizar meu computador?

O principal problema na hora da confecção de projetos de engenharia, topografia e arquitetura é a organização e sistematização dos arquivos produzidos em nossos computadores. Quando o profissional organiza seu computador, ele otimiza o tempo de trabalho, minimizando retrabalhos e tempo de procura de arquivos.

Muitos profissionais salvam arquivos avulsos na área de trabalho, no disco local C, ou até mesmo em pastas do sistema. Isso pode causar sérios problemas na hora de encontrar arquivos, e pode ocasionar até mesmo perda dos mesmos.

A forma de organização que apresento no vídeo, é a forma que desenvolvi e à adaptei as minhas formas e métodos de trabalho, cada leitor e seguidor pode desenvolver seus próprios métodos de sistematização e de organização de arquivos, desde que essa organização facilite e aprimore sua forma de trabalho.

Segue um video explicativo.




Canal do YouTube; YouTube
Email: topografandoideias@gmail.com
Skype: Topografando ideias

Desafios para o uso de agregados reciclados na industria da construção civil

Quem pensa que a pratica de reutilização de resíduos da construção civil é recente pode estar cometendo um equívoco, pois, esse método é adotado há muitos anos. E houve uma certa aceleração e aprimoramento desse processo no final da década de 50, com o fim da segunda guerra mundial. A escassez de matéria prima e a quantidade massiva de resíduos obrigaram a Alemanha pós-guerra e outros países mais atingidos a investir principalmente na reciclagem desses dos destroços deixados. 

Há vários desafios a serem superados até que de fato os agregados reciclados sejam utilizados de forma sustentável e econômica na construção civil. O primeiro deles consiste nas informações sobre os mesmos. Grande parte dos envolvidos na construção civil, pensam ser a construção de novos prédios, a maior responsável pela geração de rejeitos que podem vir a se tornar agregados, porém está só representa 20% do total, em segundo estão as novas residências com 21%, e finalmente as reformas que representam 59% da geração de rejeitos.


Os principais desafios nesse requisito são: a resistência cultural a essa tecnologia, a falta de conhecimento e informações técnicas sobre a utilização desses agregados, a inexistência de legislações municipais que regulamentem essa pratica e a falta de políticas efetivas de consumo desse material.


Outro obstáculo nesse processo é a contaminação desses agregados. Para utilização dos mesmos a norma que regulamenta, exige que eles tenham no máximo 3% de agentes contaminantes, isso para que seja mantida certa qualidade nas construções que recebem esta matéria. O problema é que na maioria das obras, outros tipos de resíduos que não podem ser utilizados nos agregados são descartados nas caçambas de coleta, geralmente tornando mais difícil o processo de reciclagem ou o impossibilitando.

Para se reciclar um agregado para posteriormente utiliza-lo é necessário um longo processo. Iniciasse com a estocagem seletiva do material de forma que este não se misture a materiais indesejáveis ainda na obra, depois ele passa por uma triagem e posterior coleta seletiva, e finalmente é levado a um pátio de reciclagem onde ele é moído e submetido a granulometria para classificação desse novo material. Feito isso o agregado poderá novamente ser utilizado nas obras, desde que sua utilização não inflija as normas vigentes.


De fato, o mundo exige atitudes mais sustentáveis. E na construção civil isso não é diferente. Reciclar resíduos da construção civil além de possivelmente tornar nossas obras mais baratas, também as tornam mais sustentáveis. É necessário além de uma nova política de construção civil, uma nova forma de pensar engenharia, ver as obras não mais como empreendimentos milionários e sim como alternativas para um futuro melhor.  


Canal do YouTube; YouTube
Email: topografandoideias@gmail.com
Skype: Topografando ideias

Drive do cabo das estações Leica p/ Windows 8

Devido ao grande número de solicitações do drive do cabo que utilizo na aula de Como instalar o drive do cabo da estação leica no windows 8, decidi por disponibiliza-lo para Download direto e sem burocracia. hehe.

Como já dito na aula citada, uma grande parte dos profissionais da topografia passam por problemas quando o assunto é descarregar a estação total. Principalmente se este procedimento for realizado no windows 8, por mais que se tente é muto difícil estabelecer a comunicação do aparelho com o computador sem que se realize este procedimento. Se tudo der certo de cara, ai já é outra história.

Link para download.
Drive do Cabo-Estação Leica




 





Segue um vídeo explicativo sobre os procedimentos necessários para realizar a comunicação do computador com o aparelho utilizando o cabo de descarga. 




Canal do YouTube; YouTube
Email: topografandoideias@gmail.com
Skype: Topografando ideias
Twitter: @Topografando
Programas TBN2NET
Topografando Ideias

Programas TBN2NET
Marca Engenharia

Normas de segurança de trabalho na industria da construção civil

A construção civil é uma das atividades que nas últimas décadas, obteve um desenvolvimento bastante acentuado. O desenvolvimento das cidades e o crescimento da população fizeram que surgisse uma maior demanda por habitações e instalações de empresas. Más, devido ao crescente número de obras, surgiram também alguns problemas, como o aumento dos acidentes de trabalho.

No dia 18 de junho de 2015, foi realizada uma visita em uma obra da construção civil. O empreendimento consiste na terraplanagem e montagem de galpões industriais. Durante a passagem pela obra tivemos a oportunidade de nos depararmos com diversos eventos que ocorrem cotidianamente em obras de construção civil. Diversos deles ligados a aplicação da norma NR18 e demais normas da segurança do trabalho.



Um detalhe observado durante toda a visita, é que, por mais que haja uma boa fiscalização e controle de segurança por parte da empresa, é normal no dia a dia das obras, situações, tais como a da figura ao lado. Trabalhadores expostos a situações de risco, tais como, o segundo trabalhador da esquerda para a direita. O mesmo estava trabalhando sem óculos de proteção, bem como sem proteção sobre o pescoço para evitar os danos causados pela exposição aos raios solares. Ao questionarmos o porquê do mesmo não estar utilizando os óculos, ele respondeu que o equipamento incomodava e ofuscava a visão devido ao suor do rosto.

Segundo informações passadas pelos trabalhadores, a empresa oferece todo o aparato de segurança individual e coletiva para execução das tarefas diárias, além de um acompanhamento constante de um profissional de segurança. E os próprios trabalhadores admitiram que a falta do uso adequado dos equipamentos de segurança, quase sempre se deve ao descuido pessoal ou mesmo ao descumprimento das normas de segurança.


Há várias medidas de segurança que ainda são carentes em obras civis de todo o país. Mesmo com todos os cuidados tomados pelas empresas e pelos trabalhadores, os acidentes de trabalho são uma realidade constante nos canteiros de obras. É preciso ser feito ainda mais, levando-se em conta que maior parte dos acidentes se deve a omissão as normas de segurança.


Os acidentes de trabalho podem trazer diferentes danos ao colaborador, podendo causar o afastamento temporário da função, ou até mesmo leva-lo a óbito. E por menor que seja o dano físico ou psíquico sofrido pelo profissional, ele acarretará com diversas alterações na vida do mesmo.


A NR18 é a norma e estabelece condições de segurança no ambiente de trabalho da indústria da construção civil. Nela estão todos os pormenores detalhes que tratam da segurança ocupacional. Como falado anteriormente, nem todas as empresas aplicam esta norma “ao pé da letra”, muitas deixam algumas regras passarem por despercebidas.

Há aqueles trabalhadores que prezam pelo trabalho seguro, e há aqueles que não se preocupam tanto. É tarefa fundamental do profissional de segurança a criação de medidas que garantam o máximo de proteção vida e a integridade física dos colaboradores da empresa.


As áreas de convivência e descanso dos canteiros de obras, devem sempre estar bem ventilados e sobre condições ideais de ventilação higiene e limpeza. Como mostrado na figura ao lado, na obra visitada os trabalhadores contam com um espaço arejado e exclusivo para descanso separado do ambiente de alimentação e do ambiente de trabalho.

Medidas como essa influenciam não só na segurança do trabalhador mais até mesmo no rendimento do trabalho. Algumas empresas têm oferecido serviços tais como tratamento psicológico, horas de descaso e até mesmo atividades desportivas aos colaboradores. Todas essas medidas têm por finalidade minimizar o estresse e a tensão das horas consecutivas de trabalho. Algumas pesquisas têm mostrado que essas iniciativas propiciam melhores rendimentos na produção e uma redução considerável dos índices de acidentes.


O trabalho em altura é uma das atividades que mais preocupam os profissionais da segurança, pois é a principal causadora de acidentes fatais e/ou lesões graves. A NR 35 estabelece os requisitos mínimos e as medidas de proteção para trabalho em altura. Nela são apresentadas o planejamento, a organização e a execução de forma a garantir a segurança e a saúde do trabalhador.



No trabalho em altura as medidas de segurança e a atenção devem ser redobradas. O uso dos EPI´s, tais como, o cinto de segurança do tipo paraquedista e o uso de luvas e capacetes são indispensáveis. Além disso o profissional responsável pela execução destes serviços deve ser devidamente treinado e capacitado a lidar com está situação de risco. A  NR 18 estabelece a obrigatoriedade da proteção coletiva onde houver risco de queda de trabalhadores.

É comum em na indústria da construção civil, trabalhos em profundidade ou em locais confinados. Nessas situações a NR 18 exige uma série de medidas a serem tomadas de forma a proteger o trabalhador. A figura a seguir, mostra trabalhadores executando uma rede de macrodrenagem projetada em profundidade. Este tipo de trabalho expõe o colaborador ao risco de soterramento, além dos outros diversos riscos da construção civil.



Na obra em questão haviam várias situações de risco a saúde do trabalhador e inúmeras medidas de segurança. Se as mesmas são suficientes, pode-se afirmar que não. Tratando-se das vidas envolvidas todo cuidado é pouco.  O trabalho e o desenvolvimento da indústria da construção civil são essenciais para o desenvolvimento do país e para a vida e subsistência dos trabalhadores. Tais quais, são responsáveis por grande parte das riquezas que produzimos.  

Confira nosso artigo sobre Ergonomia e segurança do trabalho para Topógrafos.


Canal do YouTube; YouTube
Email: topografandoideias@gmail.com
Skype: Topografando ideias
Twitter: @Topografando
Programas TBN2NET
Topografando Ideias

Programas TBN2NET
Marca Engenharia
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...